Principais fatores que estão trazendo volatilidade ao petróleo

Demanda da China e Índia

A Índia, um dos maiores importadores de petróleo do mundo, está retomando as atividades, segundo dados recentes. Após a queda de viagens domésticas e internacionais, o país está voltando ao normal, com aumento de 60% das viagens domésticas, aumentando a demanda pela commodity.

Por outro lado, a China está dando sinais de desaceleração na recuperação econômica, mais devagar que o esperado. Os dados de consumo, atividade industrial e investimento vieram abaixo das expectativas do mercado. Como o país é o maior importador de petróleo do mundo, e seus dados não são 100% confiáveis, gera-se uma dúvida em relação à demanda interna, que pode acabar por deprimir preços.

Incerteza regulatória nos EUA

O Departamento Interior americano proibiu novas concessões em território federal para perfurações de petróleo e gás, que duraria até estudos sobre impactos ambientais. Entretanto, a pesquisa que seria divulgada no inicio de 2021, até agora não saiu.

Apesar de estar correndo na justiça um processo para liberar as perfurações para exploração, há uma incerteza em relação a liberação das licenças. Este pode ser um fator impactante para a produção de petróleo dos EUA.

Demanda e preços EUA

Segundo dados do governo, os estoques de petróleo recuaram, semana passada, enquanto que os estoques de gasolina cresceram. As refinarias operavam com capacidade de 92%, um nível bastante forte. Contudo, há indicações de que podemos ver em breve uma queda na demanda de gasolina, devido ao fim das viagens automotivas de verão.

Informações do portal GasBuddy indicam que o consumo de gasolina nesta semana foi o mais fraco desde 11 de julho. O consumo na terça-feira ficou 3,4% abaixo da terça-feira anterior e 2,3% abaixo da média das quatro últimas terças-feiras

Para o analista do Commerzbank, Fritsch, as previsões feitas pelas organizações deixam claro que a Opep+ não tem “nenhum escopo” para aumentar ainda mais sua produção de petróleo no próximo ano, caso não queira se arriscar a outro excesso de oferta e aumento de estoque.

A empresa Baker Hughes, que atua no setor de petróleo, informou hoje que o número de poços e plataformas de petróleo em atividade nos Estados Unidos subiu 10 na última semana, a 397.

Fonte: Investing.com; cnnbrasil.com.br

Deixe um comentário